Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Bruxinha do Lar

Só doçuras, porque o que é doce nunca amargou.

Bruxinha do Lar

Só doçuras, porque o que é doce nunca amargou.

Bolo de Limão (do Marco)

Margarida, 25.04.20

Vi o Marco fazer esta receita no programa da Fátima Lopes e fiquei logo com vontade de fazer. E ainda para mais agora que há tantos limões.

Ainda bem que fiz. É um bolo de-li-ci-o-so!!

bolo de limão1.jpg

Ingredientes:

200 g de manteiga derretida

4 ovos

225 g de açúcar

1 pitada de sal

raspa e sumo de 2 limões médios

220 g de farinha com fermento

2 colheres de café de fermento

 

Preparação:

Comece por derreter a manteiga.

Em seguida bata muito bem os ovos com o açúcar, até obter uma mistura esbranquiçada.

Junte as raspas e o sumo dos limões e mexa.

Depois junte a farinha peneirada com o fermento e envolva bem.

Finalmente junte a manteiga derretida e volte a envolver.

Vai ao forno numa forma untada de manteiga (o Marco usou uma forma retangular, de bolo inglês, eu usei uma redonda).

Depois de cozido e arrefecido, barra-se com a glace e polvilha-se com mais raspas de limão.

Glace

Sumo de 2 limões e 250 g de açúcar em pó. Mexem-se com uma vara de arames até terem a consistência desejada (o meu não ficou com aquela cobertura branca porque eu fiz a glace com pouco açúcar).

bolo de limão.jpg

 

 

Bolo Triplo Mármore

Anjo de Mel, 19.04.20

Ingredientes:

125g iogurte natural;

100ml óleo vegetal;

120g açúcar amarelo;

3 ovos;

180g farinha de trigo (para bolos);

1 c. (de chá) de fermento;

1 c. (de sopa) de cacau;

1 c. (de sopa) de café solúvel;

½ c. (de chá) de essência de baunilha.

 

Preparação:

Misturar o açúcar, as gemas, o iogurte e o óleo.

Adicionar a farinha e o fermento e, por fim, envolver delicadamente as claras batidas em castelo.

Dividir a massa em três partes e misturar a cada terço o cacau, o café e a baunilha.

Verter as massas alternadamente para uma forma (previamente untada com desmoldante) e levar ao forno pré-aquecido a 170°C durante cerca de 30 minutos.

 

Nota: receita original daqui.

Ninho de Páscoa

Margarida, 11.04.20

Nesta Páscoa, como somos só dois à mesa, não dá para fazer grandes sobremesas (depois temos de comer tudo e é um problema).

Vai daí, fui desencantar este ninho de Páscoa que fiz há uns anos. A base é um bolo brigadeiro, mas podem fazer com qualquer bolo.

bolo-brigadeiro-ninho-pascoa.jpg

Ingredientes do bolo:

5 ovos
250 g de açúcar (usei açúcar moreno Sores)
200 g de chocolate (uma tablete)
200 g de farinha
100 g de margarina (usei Becel cozinha)
2 dl de leite (uma xícara)

Ingredientes do recheio:

2 latas de leite condensado
125 g de chocolate em pó
2 colheres de sopa de manteiga
2 latas (de leite condensado) de leite
pepitas de chocolate qb

 Preparação do bolo:

Mistura-se o açúcar com as gemas.
Acrescenta-se depois o chocolate, derretido com a manteiga.
A seguir, junta-se alternadamente o leite e a farinha peneirada.
Junta-se uma pitada de sal às claras e batem-se em castelo.
Envolvem-se as claras na massa do bolo.
Deita-se numa forma, sem buraco, untada com manteiga e polvilhada com farinha.

 Preparação do recheio:

Num tacho junta-se o leite condensado com o chocolate em pó e mistura-se bem.
Junta-se depois o leite e por fim a manteiga.
Vai a lume brando mexendo sempre, até fazer ponto de estrada (esta é a parte chata deste bolo, mas este recheio/cobertura é muito melhor do que o leite condensado simples. Demora um bocadinho, mas compensa bem).

Apaga-se o lume e deixa-se arrefecer.
Depois de tudo frio, corta-se o bolo ao meio e recheia-se com metade deste creme.
unta-se a outra metade do bolo e barra-se bem, por cima e pelos lados.
Polvilha-se com as pepitas.

Tarte americana de noz pecã

Margarida, 05.04.20

Ingredientes:

 

1 massa de tarte*;

125g açúcar amarelo (ou demerara);

75g açúcar branco;

2 c. (de sopa) farinha de trigo (sem fermento);

2 c. (de sopa) de bebida vegetal de arroz (ou leite);

125g de margarina (derretida);

2 ovos;

1 c. (de chá) de essência de baunilha;

1 pitada de sal fino;

150g de nozes pecãs

 

Preparação:

 

Esticar a massa com uma espessura de cerca de 0,5cm e forrar uma tarteira de cerca de 25cm. Picar o fundo com um garfo e reservar.

Para o recheio colocar numa tigela a margarina derretida, os açúcares, o leite, a farinha, o sal, a baunilha e os ovos e mexer delicadamente com uma vara de arames só até estarem todos ligados (não bater demasiado).

Envolver as nozes pecãs.

Verter o recheio para a tarteira forrada com a massa e levar ao forno pé-aquecido a 180ºC durante 40-45 minutos.

A tarte deve ficar bem dourada, mas ainda abanar ligeiramente no centro.

Deixar arrefecer completamente antes de desenformar e de comer.

*massa de tarte:

- 250g de farinha de trigo (sem fermento);

- 150g de margarina;

- 100g de açúcar amarelo;

- 1 ovo. Bate-se a margarina com o açúcar até ter um aspecto cremoso (a margarina deve ter uma consistência de pomada).

Juntamos o ovo que também deverá estar à temperatura ambiente.

Por fim, misturamos a farinha e mexemos com uma colher ou com as mãos só até estar toda incorporada e com uma textura uniforme (não é necessário amassar).

Levar a massa ao frigorífico por, pelo menos, 2 horas envolvida em película aderente (deixei de um dia para o outro).

Quando for altura de forrar a tarteira, retira-se da película aderente e forma-se um disco com a massa antes de começar a esticar com o rolo.

Para esticar a massa usa-se um pouco de farinha para não pegar e vai-se sempre rodando o disco de massa para ir dando um formato redondo e para a massa não agarrar à mesa.

Transfere-se para a tarteira e prossegue-se com a receita da tarte que for fazer. Nota: receita da tarte aqui e da massa-base aqui.