Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Bruxinha do Lar

Só doçuras, porque o que é doce nunca amargou.

Bruxinha do Lar

Só doçuras, porque o que é doce nunca amargou.

Waffles de Batata-Doce

Margarida, 28.11.18


(a batata-doce é tão versátil que tenho andado à 'caça' doutras receitas, nomeadamente 'doces', para a cozinhar)

Ingredientes:

1 batata doce grande;
2 ovos;
1 c. (de sopa) de sementes de chia;
1 c. (de chá) de canela em pó;
sal q.b.

Preparação:

Lavar e descascar a batata-doce, ralando-a de seguida.
Juntar os ovos, um a um e misturar com uma vara de arames.
Adicionar as sementes de chia, a canela e o sal, misturando bem.
Aquecer a máquina de waffles e quando estiver no 'ponto', pulverizar com spray anti-stick e colocar uma colherada em cada espaço, espalhando bem.
Aguardar alguns minutos até estarem prontos e bem douradinhos.
Servir acompanhado de frutos secos (no meu caso, foram nozes), pepitas de cacau, compota ou mel (no meu caso, maple syrup) e canela em pó a gosto!
São uma delícia e super saudáveis - experimentem!






Nota: receita original encontrada aqui.

Bolo de Claras com Mel e Canela

Margarida, 25.11.18


Ingredientes:

200 g de manteiga
150 g de açúcar amarelo
3 colheres de sopa de mel
1 colher de chá de canela
0,5 dl de aguardente
raspa de 1 limão
6 claras
300 g de farinha
2 colheres de chá de fermento
100 g de corintos

Preparação:

Unte e forre uma forma de bolo inglês com papel vegetal.
Numa taça coloque o açúcar, a manteiga, o mel e a raspa do limão e bata até formar uma massa cremosa.
Acrescente a aguardente e a canela. Volte a bater.
Bata as claras em castelo e junte à massa, mexendo com cuidado.
Junte depois o fermento, os corintos e a farinha e envolva.

Deite a massa na forma e leve ao forno a 170º durante cerca de 40 minutos.

Notas:
O meu bolo ficou a saber a aguardente. Se calhar é melhor porem menos quantidade. 
Receita da Teleculinária. Vídeo aqui.



Crostata de Alperces com Amêndoas

Margarida, 21.11.18


Ingredientes:

125g de iogurte natural;
120g de açúcar amarelo;
2 ovos;
raspa de 1 limão;
150g de farinha de trigo (sem fermento);
50g de amêndoas moídas (com casca);
1 pitada de sal;
1 c. (de chá) de fermento;
150g de compota de alperce (ou outra à escolha);
gelado para servir.

Preparação:

Pré-aquecer o forno a 180ºC.
Untar uma tarteira (de fundo amovível, se possível), no fundo e dos lados e reservar.
Bater o iogurte natural com o açúcar até obter uma mistura pálida e fofa.
Juntar os ovos, um de cada vez, continuando sempre a bater a mistura.
Juntar a raspa de limão e bater bem.
Misturar a farinha, as amêndoas moídas, o sal e o fermento e juntar estes ingredientes secos à mistura.
Deitar a massa na tarteira e espalhá-la com a espátula para ficar nivelada, estendendo-a para os lados.
Depois, com uma espátula mais pequena ou com as costas duma colher, fazer um corte circular raso no meio da massa - para a compota - deixando um rebordo subido e mais espesso com cerca de 3cm de largura a toda a volta.
Colocar a compota num taça e bater com uma vara de arames para a tornar mais solta (juntar um pouco de sumo de limão, se quiser cortar um pouco a doçura).
Espalhar a compota no corte ao centro, deixando o rebordo subido intacto em redor.
Levar ao forno durante 25mins, até o bolo ter subido no rebordo e estar bem dourado e firme ao toque.
Retirar com cuidado do forno, deixar arrefecer na forma sobre uma grelha durante 15mins; depois, com muito cuidado, desenformar a tarte.
Cortar a tarte (ainda morna) em fatias e servi-la com uma bola de gelado de sabor a gosto, ou ainda natas batidas ou mascarpone.
Ou fria a acompanhar uma chávena de chá ou café!




Nota: receita retirada e adaptada do livro 'Nigellissima'.

Tarte de Mirtilos

Margarida, 18.11.18


Ingredientes:

massa:
200g de farinha de trigo (sem fermento);
100g de margarina (à temp. ambiente);
25g de açúcar amarelo;
1 gema;
1 pitada de sal;
2 c. (de sopa) de água;

recheio:
2 c. (de sopa) de amêndoa moída;
450g de mirtilos (congelados);
100ml de natas vegetais;
100g de açúcar amarelo;
2 ovos.

Preparação:

Preparar a massa: deitar a farinha numa tigela, incorporar a margarina amolecida em pedacinhos e amassar.
Formar um buraco no centro da massa e colocar o açúcar, a gema, a pitada de sal e a água.
Misturar tudo e amassar durante 2 ou 3 minutos.
Moldar uma bola e deixar repousar, durante 1 hora, em lugar fresco.
Ligar o forno a 190ºC.
Estender a massa até obter 4mm de espessura e forrar uma tarteira (de fundo amovível) untada.
Picar o fundo com um garfo e cobrir com feijão (ou grão) seco e levar a cozer, sem deixar corar, durante 10 minutos.
Retirar do forno; polvilhar o fundo com a amêndoa moída (para evitar que a massa amoleça ao cozer).
Cobrir com os mirtilos limpos e levar ao forno mais 10 minutos.
Bater as natas com o açúcar e os ovos.
Retirar a tarte do forno e verter o creme por cima, levando novamente ao forno e deixar cozer durante 15 minutos a 170ºC-180ºC.
Polvilhar a tarte com açúcar em pó assim que a retirar do forno.
Deixar arrefecer antes de desenformar e server (fria).

Nota: receita retirada e adaptada do livro 'Sobremesa - Larousse 100% sabor' (pp. 44-45).

Bolo de Batata Doce com Chocolate (sem glúten)

Margarida, 14.11.18


Ingredientes:

500g de batata-doce descascada;
200g de chocolate de culinária (52% mínimo cacau);
150g de açúcar mascavado;
50g de farinha de amêndoa;
25g  de cacau cru em pó;
25g de óleo de coco;
6 ovos;
1 c. (de sopa) de extracto de baunilha (caseiro);
1 c. (de chá) de fermento em pó;
sal q.b.

Preparação:

Cortar a batata-doce em cubos e cozê-la a vapor durante 20 a 30 minutos, com uma pitada de sal; deixar arrefecer.
Num liquidificador colocar a batata-doce e os ovos e triturar até obter uma massa homogénea.
Adicionar o extracto de baunilha, o açúcar e a farinha de amêndoa e misturar tudo.
Entretanto, derreter o chocolate em banho-maria, juntamente com o óleo de coco, até obter um creme liso e homogéneo.
Adicionar o cacau em pó peneirado e envolver.
Juntar ao preparado o creme de chocolate e misturar bem.
Adicionar o fermento em pó e envolver.
Verter o bolo numa forma com buraco, previamente untada, e levar ao forno pré-aquecido nos 180ºC durante 30 a 40 minutos (fazer o teste do palito).


Nota: receita daqui.

Pão de Espelta, Cevada e Trigo Sarraceno, com Sementes de Linhaça (na MFP)

Margarida, 11.11.18



Ingredientes:

300ml de água morna (quase fria);
1 c. (de sopa) de azeite;
1 c. (de sopa) de golden syrup;
1 c. (de chá) de sal fino;
250g de farinha de trigo sarraceno;
125g de farinha de cevada;
125g de farinha de espelta;
6g de fermento de padeiro seco; 

2 c. (de sopa) de sementes de linhaça castanhas;
2 c. (de sopa) de sementes de linhaça douradas.


Preparação:

Colocar os ingredientes da massa pela ordem indicada na cuba da MFP (excepto as sementes) e seleccionar o programa de 'massas'.
Após o primeiro sinal sonoro (cerca de 10 minutos após o início), adicionar as sementes e deixar o programa terminar.
Numa superfície enfarinhada, moldar a massa com a forma desejada (eu utilizei uma forma de bolo inglês forrada com papel vegetal).
Levar a levedar mais 30 minutos, até duplicar o volume, num local quente e abrigado.
Ligar o forno a 180ºC e colocar um recipiente com água no interior para manter a humidade necessária à cozedura do pão.
Levar o pão ao forno, vigiando até estar cozido (cerca de 30 minutos).
Deixe arrefecer antes de fatiar e servir ou congelar para consumir mais tarde.


Nota: receita original daqui.

Bolo de Limão com Açúcar Mascavado e Sementes de Papoila

Margarida, 07.11.18


Ingredientes:
(chávena usada com 225ml de capacidade)

75g de margarina;
1 cháv. de açúcar mascavado;
sumo e raspa de dois limões;
3 ovos;
1/2 cháv. de bebida de amêndoa;
1 cháv. de farinha de amêndoa (amêndoa triturada);
1 cháv. de farinha de trigo (para bolos);
1 c. (de chá) de fermento em pó;
1 c. (de sopa) de sementes de papoila.

Preparação:

Numa taça, colocar a margarina e o açúcar e bater com a ajuda de uma batedeira.
Juntar depois a raspa de limão e os ovos, e misturar novamente com a batedeira.
Juntar depois a bebida de amêndoa, o sumo de limão, as farinhas, o fermento e as sementes de papoila, e continuar a bater com a batedeira até obter uma mistura homogénea.
De seguida, colocar a massa numa forma de bolo inglês previamente untada e polvilhada e levar ao forno previamente aquecido a 170ºC durante cerca de 35 minutos (ou até o bolo estar cozinhado).
Retirar do forno e deixar arrefecer um pouco antes de desenformar.
Transferir para uma travessa e servir em fatias.

Nota: receita original daqui.

Jalousie de Maçã & Mirtilo

Margarida, 04.11.18


Ingredientes:

2 placas massa folhada;
3 maçãs médias;
100g de mirtilos (usei congelados);
2 c. (de sopa) de açúcar mascavado claro;
raspa de 1 limão;
1 ovo batido.

Preparação:

Estender a primeira placa de massa folhada num tabuleiro, deixando o papel vegetal; reservar.
Descascar as maçãs e cortar em fatias, colocando sobre a massa e deixando um rebordo de 2,5cm.
Espalhar os mirtilos e polvilhar com o açúcar mascavado e a raspa de limão.
Pincelar o rebordo com o ovo batido.
Sobrepor a segunda placa de massa folhada sobre o recheio, deixando igualmente um rebordo semelhante ao da placa inferior.
Selar os lados, aparando com uma faca e fazer uns golpes transversais sobre a massa.
Pincelar toda a superfície com ovo batido e polvilhar com açúcar a gosto.
Levar ao forno pré-aquecido a 170ºC cerca de 15mins até a massa crescer e ficar bem dourada.
Servir morno com uma bolo de gelado (neste caso de baunilha caseiro, podem ver a receita do domingo passado!) e/ou natas batidas.


Nota: receita original daqui. Uma vez que eu só tinha uma placa de massa folhada, coloquei o recheio de um lado / numa metade da massa e sobrepus com a outra metade.